top of page
  • Foto do escritorMárcia Moreno

A verdade suja e inconveniente sobre fotografia de comida. 4 grandes erros



Quando você está apenas começando, a fotografia de alimentos pode parecer um gênero relativamente simples. Mas depois de algum tempo, você percebe o quão inconveniente ela é. Há muito a aprender e muitos erros que podem ser cometidos nesse processo. Erros que muitas vezes passam despercebidos e que podem atrapalhar o avanço de suas habilidades. A boa notícia é que com aprendizado e experiência esses erros podem ser anulados.


Neste post mostro 4 quatro grandes erros que os fotógrafos de alimentos iniciantes cometem quando estão apenas começando, e que também, por fatalidade, pode acontecer também para os mais experientes.


1. A DIREÇÃO DA LUZ

Um dos fatores mais importantes para determinar o resultado de uma foto é a luz. Ao determinar a direção da luz em uma imagem, deve levar em consideração onde você está olhando e com cada tipo de iluminação que você escolher contará uma história diferente. Nas culturas ocidentais, lemos da esquerda para a direita e essa direção nos parece natural quando observamos qualquer outra coisa. Se quiser quebrar essa naturalidade ou transformar a foto em algo dramático, a simples mudança de iluminação da esquerda para direita já cria uma nova percepção da imagem e um novo sentimento.




2. PROFUNDIDADE DE CAMPO

Em sua grande maioria, na fotografia de gastronomia se usa uma abertura mediana entre f5.6 até 11 para quando se tem uma mesa com itens na frente e após o ponto principal ou quando se quer tudo em foco para recorte de fundo. Mas existem alguns casos em que uma grande abertura é bem vinda. Especialmente quando se quer dar ênfase total em um ponto e fazer com que a pessoa que está vendo a imagem se foque apenas naquele ponto.




3. ENQUADRAMENTO DA FOTO

Ao criar fotos de alimentos, certifique-se de que a o enquadramento esteja correto e a câmera nivelada além de ângulos retos e perspectiva corretas. Certamente tudo isso pode ser acertado na pós produção mas para que ter todo esse trabalho e investimento de tempo se já pode corrigir na hora da captura da imagem? Use tripé com bolha ou superfície reta e firme para não ter erro.




4. FOTOS SEM INTENÇÃO

Fotografar só porque está bonito. Que erro! O mais importante é ter intenção. Você tem que saber porque está foto está sendo feita. Qual sensação quer passar, qual impressão quer que as pessoas tenham, qual lembrança quer ativar.

Pensar em sua composição, escolhas de iluminação e pensar no que você quer mostrar e enfatizar. Essa é uma foto com intenção.



E bora fotografar porque só a prática leva a perfeição e também a redução de erros. 😉 Gostou do conteúdo, então compartilha!


Queremos te ajudar a não cometer mais esses erros como esses e não cair novamente nessas armadilhas. Clique aqui e saiba sobre o treinamento para fotógrafos



46 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page